Energisa Minas Gerais recebe medalha de ouro em Segurança

Prêmio Eloy Chaves foi criado em 1980 e anualmente premia as empresas de energia elétrica.

Para fornecer energia de qualidade aos seus clientes, a equipe da Energisa trabalha 24 horas por dia, faça sol ou chuva. E para que este trabalho seja realizado, tanto a administração da empresa quanto seus profissionais prezam pelo item mais importante para garantir a continuidade das atividades, que é a segurança das pessoas, das comunidades onde atuam e das instalações e ativos que gerenciam.

Por isso, todos os dias ao chegar ao trabalho, o eletricista de Linha Viva Ronald Freitas Magalhães realiza todos os procedimentos necessários antes de iniciar suas atividades, como por exemplo: fazer check-list padronizado e previsto nas normas de segurança e técnicos/operacionais; verificar as condições dos veículos e dos equipamentos de proteção individual (EPI) e coletivos (EPC); analisar se a rota é segura entre outros procedimentos de segurança. “Somente após constatado que os riscos foram bloqueados é que iniciamos as tarefas”, contou Ronald.

Ele garante que, há 23 anos na empresa, leva energia para os clientes com segurança. Para Ronald, “trabalhar com segurança representa amor à nossa vida e à nossa família. Sou casado e tenho dois filhos. Retornar para casa bem todos os dias e encontrá-los é a minha maior satisfação e nos enche de alegria. Por isso, cuidamos também dos nossos colegas no dia a dia. É uma felicidade receber essa premiação, pois significa que estamos sem acidentes no trabalho”.

O cuidado com a vida fez com que a Energisa Minas Gerais conquistasse a Medalha Eloy Chaves Ouro, da Associação Brasileira de Companhias de Energia Elétrica (ABCE), relativa ao biênio 2017/2018, na categoria ‘Empresas com 501 a 2000 colaboradores’. Isso significa que a empresa é destaque nos indicadores de segurança, relativos aos colaboradores próprios, terceiros e à comunidade. A Medalha Eloy Chaves foi criada em 1980 e, desde então, tem anualmente premiado as empresas de energia elétrica, com o objetivo de destacar o desempenho na área de segurança do trabalho, sendo a mais importante premiação do setor elétrico neste segmento.
A avaliação dos indicadores estatísticos das empresas concorrentes é consolidada com o apoio da Fundação COGE, com base no Regulamento de Premiação da Medalha Eloy Chaves, e utiliza como referência parâmetros estabelecidos pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e está em consonância com as práticas da Agência Nacional de Energia Elétrica – ANEEL.

“Esta é a mais importante premiação do setor elétrico no segmento de Segurança do Trabalho. Por isso, é com muita alegria que recebemos essa premiação, prova de que estamos no caminho certo. É um reconhecimento às ações e fortes investimentos feitos pela empresa, que prioriza a segurança e a vida de todos os seus colaboradores, bem como da população. Resultado de um trabalho incessante, onde temos apresentado redução significativa no número de acidentes, o que reforça o nosso comprometimento com a vida. Hoje, 29/11, completamos 450 dias sem acidentes com afastamento de trabalho”, comentou Eduardo Mantovani, diretor-presidente da EMG.

A cerimônia de entrega do prêmio Eloy Chaves foi realizada nesta sexta-feira, 29 de novembro, durante o 10º Seminário Nacional de Segurança e Saúde no Setor Elétrico Brasileiro, na Unicamp (SP).

 

FONTE: Ass. Imprensa Energisa

Compartilhe

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será publicado.


*